Logo Cidade Internet

Todos os artigos com a tag jardins italianos

Passeios pela Itália: as maravilhas verdes do Parque Sigurtà no Lago de Garda

Publicado por Egle

Parco Sigurtà
Para quem gosta de passeios bucólicos em meio a natureza sem muita badalação, a dica de hoje é ideal, e fica a beira do Lado Benaco, mais conhecido como Lago de Garda, na região do Veneto. Este local nos permite encontrar a paz do Parque de Sigurtà.

Num espaço com mais de 600 mil metros quadrados, encontramos um jardim que foi eleito um entre os cinco parques botânicos mais belos do mundo. Cerca de vinte espelhos de água pequenos estão imersos no verde dos gramados e pequenos bosques, enfeitados com canteiros de flores. Milhares de espécies de plantas e flores transformam o Parque Sigurtà em algo a mais que um simples jardim, quase um museu com mais de quarenta mil obras e arte vivas.

Aberto a mais de 30 anos, o Parque de Sigurtà tem suas origens em um antigo parque instituído no século XVII, que no final dos anos 70 foi transformado em um jardim moderno. O patrocinador da operação foi Carlo Sigurtà que adquiriu nos anos 40 uma grande área agrícola e, desfrutando de um direito secular de usufruir da água do rio Mincio, deu vida ao parque, conseguindo fazer florescer as áridas colinas da região.

Continuar lendo

Jardins da Itália: "La Venaria Reale" de Turim

Publicado por Jean Ponchiroli


Os jardins do palácio real - La Venaria Reale - em Turim, estão completamente desaparecidos desde a época em que os franceses de Napoleão os transformaram em praça de armas: uma obra extremamente significativa do complexo que se perdeu para sempre. Restaram os desenhos da época, que mostram o esplêndido jardim à italiana dividido em três terraços, ligados entre si por cenográficas escadarias e por elementos arquitetônicos (como a torre do relógio do primeiro pátio), a Fonte de Hércules, o teatro em hemiciclo e os parterres.

Só recentemente “La Venaria Reale” viu renascer as suas ambientações naturais, isto graças aos trabalhos que se realizaram na estrutura (escuderias, Reggia di Diana, etc). Atualmente, estão à disposição do público os setores já concluídos, também danificados pelas violentas tempestades de Junho de 2007.

No Parque Baixo são visíveis algumas obras de Giuseppe Penone, em nítido contraste com a estrutura barroca do complexo, entre estas, o tronco de um cedro, com uma altura de doze metros, do qual saem as fumaças das centrais térmicas do edifício.

Fotos | Flickr

Venaria Reale
Venaria RealeVenaria RealeVenaria RealeVenaria RealeVenaria Reale

Os segredos de Milão: o parque da Villa Invernizzi

Publicado por Egle


Milão. Milão é grande. Quando no Duomo tem sol, pode acontecer que do outro lado da cidade esteja chovendo. Aquela garoa que transforma o verão em outono. E dá até para sentir um pouco de frio….. Mas hoje Milão é bonita mesmo sendo cinza, mesmo com chuva. No parque da Villa Invernizzi os flamingos rosa se movem vaidosos para além das grades. O vento leve move os galhos das árvores, despenteia os cabelos e o lenço que me envolve em um abraço confortável. No ponto de ônibus o rosto do jornaleiro me aguarda, percebo as mãos úmidas do dono do bar. Subo as escadas lentamente, na corrente de ar que cria pequenos círculos nos degraus molhados. Em uma superfície me viro devagar e no cruzamento está o indiano que desde sempre está neste local vendendo flores, mas que nunca as vende. Além do portão, o perfume das flores me envolve. E Milão se transforma em casa. Minha casa. Do blog de Flying Mora.

E se notamos o olhar dos passantes, que contam os 40 anos de vai e vem em frente a esses portões, parece colher o sentido de maravilha e paz que as palavras da Mora nos remetem…. e então perguntamos, será que é possível que aquela garota, abraçada as grades, nunca poderá em toda a sua vida, entrar, mesmo por uma úniva vez, naquele jardim? Porque se a propriedade é privada, a beleza é pública, e as instituições poderiam pensar em como “compensar” pelo incomodo, mesmo que seja apenas uma vez por ano. Mesmo porque a mansão é conhecida como uma das 18 maravilhas de Milão.

Arte na Itália: Os jardins e as mansões de Biella em mostra em Túrim

Publicado por Egle

gds

Os belos jardins e parques de Biella estão em uma mostra em Turim. “Il paesaggio ordito, Giardini, Parchi e Ville nel Biellese” (A paisagem entrelaçada, Jardins, Parque e mansões no Biellese) é uma mostra com a curadoria de Renata Lodari que é inaugura hoje, 6 de novembro no Museu de Ciências naturais da capital da região Piemonte.

O evento propõe contar, através das imagens, as relações entre natureza, paisagem e arquitetura que caracterizam os jardins da provincia de Biella, a sua formação e a sua história. Através de uma seleção de fotografias esplêndidas, conta-se não só a vida externa destas mansões, mas se restitui ao público uma idéia do que deveria ser e deve ser morar no interior destas casas.

Até 18 de novembro.

Passeios pela Itália: descobrindo os segredos da Moradia Real de Caserta

Publicado por Egle

gds

Neste final de semana (sábado 17 e domingo 18 de outubro) será a última oportunidade para aproveitar a edição de verão da viagem para descobrir o Palazzo Reale (Palácio Real) de Caserta.

O passeio de “verão” acontece nas majestosas alamedas do parque no estilo italiano e pelas trilhas do Jardim Inglês. Depois de percorrer a alameda da entrada, acompanhados por músicas do 1700 e com a monitoria de especialistas de história da arte, os visitantes serão levados por um ônibus até a fonte de Diana e Atteone e de lá, a pé, para o interior do Jardim Inglês. Com as luzes de lanternas serão narrados os segredos maçônicos e esotéricos que fazem parte da história da criação do jardim, realizado pela vontade de Maria Carolina di Borbone.